quarta-feira, 8 de dezembro de 2010

Vâmo pulá!

Vim aqui agradecer a todos os comentários da minha última postagem "A arte do coração", e claro, a Junior Lima que chegou até o Celeiro, só Deus sabe como, e ainda o indicou em seu Twitter. Preparava uma outra postagem quando coloquei para visualizar, e de repente o contador de estatísticas online saltou de 2 para 734. Achei que deveria ter alguma coisa errada. O contador tinha enlouquecido. Subiu pra 973 e alguns comentários começaram a surgir. Só podia ser vírus. Como poderia ser real que toda aquela gente estivesse no meu blog, quando nas estatísticas normais não passa de 3 online? Foi aí que descobri através de um dos comentários, que o Celeiro tinha sido indicado pelo próprio Junior no seu Twitter. Só mesmo uma indicação dele pra fazer chover tanta gente no meu blog. E inacreditavelmente o Celeiro marcou o record de 1606 pessoas online. Meus seguidores até aumentaram.

Confesso que foi um verdadeiro presente de natal que Junior me deu. Talvez merecido, depois de tantos anos de dedicação. Fiquei paralisado por alguns instantes, sem acreditar. Quando escrevi a postagem sobre o seriado Sandy e Junior não tinha a menor pretensão de que Sandy, Junior ou qualquer outro ator lesse. Na minha cabeça só minha mãe e mais uns três ou quatro amigos iriam ler, como de costume. Surpresa foi a minha quando percebi que milhares de pessoas estavam lendo e comentando suas impressões. Alguns anos atrás, eu teria feito qualquer coisa pra chegar perto de Sandy e Junior, ou mesmo lhes enviar uma linha de carta, só para saberem que existia. Mas eu era um pequeno grão de areia, como canta Sandy. E hoje, sem nenhum esforço, eu consegui chegar até Junior, a ponto dele se dar ao trabalho de fazer um comentário na sua página pessoal.

Fiquei maravilhado pelas mensagens que recebi de tantos fãs da dupla. Percebi que como eu, existem muitos pelo país, e até fora dele, que compartilham as mesmas sensações, pensam semelhante, colegas de chacotas por dividir um passado de dedicação tão intenso à dupla. Saber que consegui levar um pouquinho de felicidade, nostalgia ou mesmo a mais insignificante sensação a quem lia, foi gratificante. Li todos os comentários. Concordo com Giulianna quando disse que viver a realidade Sandy e Junior e ter seguido o seu padrão de comportamento, a sua inocência, a sua definição de família foi muito importante para nossa formação, ao passo que poderíamos ter vivido a realidade É o Tchan, e ter sim um motivo hoje de nos envergonhar. Minha amiga Kárem me lembrou hoje pelo msn, depois que eu dividi minha alegria com ela, do final da postagem "A arte do coração", quando falo que o nosso verdadeiro destino pode estar escondido no passado e que só precisamos ir lá buscá-lo. Vejam só o que aconteceu depois que eu fui ao meu passado e resgatei a minha paixão pelo seriado. Literalmente sinto uma sensação louca de pular.

P.S.: Acabei de descobrir que a atriz Fernanda Paes Leme também leu.

7 comentários:

  1. Surpresas da vida, quando menos esperamos as coisas acontecem, dizem que é só pararmos de buscá-las que elas vem,e isso tem um que de verdade. Quando li hoje pela manhã "A arte do coração", pensei em comentar sobre "nosso verdadeiro destino pode estar escondido no passado". Ás vezes deixamos algo tão especial nas páginas do passado que é preciso voltarmos e resgatarmos ou excluí-las para podermos seguir nosso futuro.
    Vâmo pulá! rsrsrs

    ResponderExcluir
  2. Haha.legal. Eu fui uma das pessoas que começou a te seguir, depois q o Junior postou no Twiter dele.Como vc, eu tbm era muito fã deles, e até hoje os admiro e tbm fiz um post no meu blog com uma lembrança da minha infância. Da uma olhadinha lá!
    http://www.comamusicanoradio.blogspot.com

    ResponderExcluir
  3. Ontem alguém me aconselhou a deixar meus "fardos" no passado. Mas eu não consigo estabelecer contato com o presente se não estou conectada lá. É assim a vida, esse mistério que nos surpreende a cada dia e nós precisamos nos deixar surpreender. Que presente você ganhou por ousar buscar no passado um elo que te prende por lá. e foi assim que júnior encontro teu blog e ele entrou numa dimensão que você não imaginava.É avida do passado explodindo no mundo real das nossas retinas atravéz dessa loucura que é omundo virtual.

    ResponderExcluir
  4. Parabéns!!! Vim por causa do postagem anterior mesmo. E achei lindo tudo que escreveu. Tambem fui fã da dupla, e estava comentando com uma amiga hj que queria escrever sobre, e então ela me falou sobre o seu blog que o Junior tinha postado no twitter. Que honra!!! Parabéns!!!! Suas palavras foram lindas e merece o reconhecimento das pessoas, principalmente do Junior.

    Beijos!!!

    ResponderExcluir
  5. Parabéns!!! Adorei ambos os textos, como vc tb vivi a era Sandy e Junior, e hoje em dia vez por outra ainda paro para escutar as músicas tenho uma pasta especial p/ eles no meu mp4. Eu particularmente ñ dou a minima para as pessoa que falam desse meu gosto, se elas ñ curtiram S&J é por q provavelmente ñ tiveram infância nem uma adolescência feliz. Vez por outra eu dava uma olhadinha no seu blog, mais só virei leitora dele apos seu post sobre o cd solo de Sandy ( Jhonathan sabendo do meu fascínio pela dupla e já cansado de me ver escutar o cd de Sandy todos os dias que me mostrou seu texto na época que ele foi escrito)
    Sucesso sempre!!!! Vc é um ótimo Jornalista, ñ da só a noticia escreve com sentimento próprio c/ a alma

    bjusss!!!

    ResponderExcluir
  6. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  7. Oi, Sam!
    Uma amiga indicou seu texto há uns dias, não faço ideia de como ela descobriu. Só sei que através dele, percebi que o que normalmente é motivo de risada entre as mesas de bar, também é sentido por outras (muitas) pessoas.

    Da mesma forma que você, gravei todo o seriado e ainda fui além, gravei Estrela Guia e todas as participações da dupla na tv.
    Com revistas, cds e lugares bacanas em shows se foram outros rios de dinheiro.
    Ainda hoje tenho um baú com todo "material" guardado e assim como vc, nao posso mais assistir aos vídeos.

    A paixão pela dupla passou, como toda aquela fase. Mas o que você falou foi muito certo, foi bem melhor ter vivido uma infancia/adolescencia com sandy e junior do que com outras opções que tínhamos na época (sem citar para nao ofender ngm. haha)

    Parabéns pelo texto!
    Só quem já levou muitos "nãos" do Ferrugem (segurança da dupla) pode entender. Hahaha

    Beijo.

    ResponderExcluir

Colheitas